Não 1 Não 2

Arquivo por Autor

Jesus – parte 2 de X

leave a comment »

Joe está do meu lado. Olha interrogativamente para mim e sorri. Agora podemos começar com a diversão. Que tipo de diversão, vocês perguntam?A diversão sangrenta. Abram alas para a boa e velha ultraviolência. A porta se abre e a merda bate no ventilador.

-Porra Jay.

Leia o resto deste artigo »

Written by GPenazzi

Janeiro 29, 2011 at 1:09 am

Publicado em Textos

Tagged with

Jesus – parte 1 de X

leave a comment »

Um revólver de 6 balas. 6 balas de merda pra fazer o serviço. 6 balas para 8 chefes do sindicato. Era óbvio que era uma missão suicida. Mas o que eu podia fazer? O chefe não aceitaria um não como resposta. E eu sabia que ele não tinha as bolas necessárias pra me matar abertamente.

Leia o resto deste artigo »

Written by GPenazzi

Janeiro 26, 2011 at 12:50 pm

Publicado em Textos

Wyrd – parte I

leave a comment »

Corro atrás da garota de cabelos louros. Observo como eles balançam ao vento e ela ri de deleite ao ser derrubada no feno confortável do meio do outono. Sinto o perfume que ela exala enquanto rolamos pelo campo de trigo.

Tudo começou naquele bar no centro da cidade. Noite de sexta feira com os amigos, todo mundo dando risada, aquela coisa toda. Vejo-a pela primeira vez enquanto ela conversa com o barman. Não dou muita atenção. O papo na roda rola fácil. As horas passam mais rápidas ainda. Então, eu a vi uma segunda vez. E dessa vez foi que aconteceu: Meu mundo virou de cabeça para baixo. Era a pessoa mais bela que já tinha visto. Apaixonei-me por ela enquanto a via sair pela porta. Pergunto a meus amigos se alguém sabia quem era a mulher. Ninguém a conhecia.

Passei o resto da noite pensando no único momento em que nossos olhos se cruzaram enquanto ela saía. Foi como o mundo tivesse parado. Eram de um verde profundo e me atingiram como faróis de um trem vindo em minha direção. Meus amigos comentaram mais tarde que eu estava muito agitado.

Ao sair, questiono o barman sobre a moça. Obtenho como resposta um grunhido parecido com ‘Só uma garota que vem aqui às vezes…’. Insisto. Cada vez mais energicamente. Enfim, ao finalmente se dar por vencido, ou simplesmente se cansar com minha insistência, descubro seu nome: Sofia. Sofia Cruz. Maldita seja.

Written by GPenazzi

Julho 14, 2010 at 7:21 am

Publicado em Textos

A garota dos olhos azuis

with 4 comments

Written by GPenazzi

Julho 9, 2010 at 3:30 am

Publicado em Textos

Brisagens de uma noite de ócio – 1

leave a comment »

Sabe aquelas noites que você se encontra em frente a uma tela de computador, aquela cocota garota te bloqueou ou saiu com as amiguinhas pra comer pizza, você tá de saco cheio de ficar à toa mas não acha nenhum meio de tornar essa noite um pouco mais produtiva? ENTRE NO PORNOTUBE Fica de bobeira, pensando na vida? Não? mentiroso sortudo! Porém, eu não tenho essa sorte. e ultimamente ando pensando muito. O que acontece é que às vezes, você pensa em alguma coisa tão estranha/tosca/inspiradora/revolucionária (você está sozinho sem fazer porra nenhuma, então quase tudo que você pensa se encaixa nessas opções, veja bem) que você pode ter pensado: ”porra, isso merecia um post…ou não”

Então, jovens do meu Brasil, abrirei um pouco de minha mente para o mundo, compartilhando os pensamentos de uma mente ociosa. Vale lembrar que a maioria das coisas que serão faladas não devem ser necessariamente levadas completamente a sério. Mas aí depende da cabeça e a imaginação de cada um.

esse post tem tem altos níveis de loucura.

Que comece a escrotização.

Leia o resto deste artigo »

Written by GPenazzi

Março 1, 2010 at 12:12 am

Publicado em Textos

Tagged with , , ,