Não 1 Não 2

teste quatro

leave a comment »

Olhei mais uma vez para a escrivaninha, meu celular e minha carteira estavam empilhados em perfeito equilíbrio. Eram quatro horas da tarde, e pelo calor que fazia dentro do meu quarto eu imaginava que havia um sol ardendo lá fora.

Alguns feixes de luz atravessavam a janela cortando o ar empoeirado do quarto. Eu precisava levantar. Ficava deitado por um longo tempo na cama, lembrando do que tinha sonhado, pois sabia que duas horas mais tarde, provavelmente já não me lembraria de nada.

Por fim levantei – dragões de ferro se contorcendo – peguei a navalha no banheiro para fazer a barba e por alguns momentos fiquei encarando o enorme poder contido naquele objeto. Rodei-o nos dedos como costumava fazer com a faca. Eu aprendi como se corta couro para fazer uma manta, aprendi nos meus sonhos.

Existe um universo dentro de cada um de nós. Ele se abre a cada noite, e o que vivemos lá é tão real quanto o que nós chamamos de realidade. Os antigos aborígenes da Austrália chamavam-no Tempo dos Sonhos, uma vida paralela, onde o guerreiro aprendia lições de seus antepassados. Cada mulher da tribo possuía uma canção, que fora passada por sua família de geração a geração, e era seu dever cantá-la para seu marido nas primeiras horas de seu sono. A canção era a chave do Tempo dos Sonhos.

Acordar tarde tem seus benefícios quando se leva em conta que a noite demorará menos a chegar. Mesmo em nosso verão do hemisfério sul, em que os dias são mais longos, existe como que uma grande preocupação das pessoas em ter feito tudo o que puderam antes do sol começar a baixar, para que a noite chegue representando o grande alívio de mais um (ou menos um) dia vivido. Eu me levanto contra esse dogma, me levanto as quatro ou cinco da tarde, quando restam não mais que quatro horas de claridade, o crepúsculo não tarda a envelhecer o céu e logo as luzes da cidade se acendem. A noite é uma grande companheira para os solitários.

 

Written by Kal-el

Dezembro 27, 2010 às 7:18 pm

Publicado em Textos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: